Eu nunca consigo terminar na

11 de dezembro de 2016

0 comentários

Eu me sinto triste. Não consigo evitar de me sentir assim já que tudo dá errado e a maioria das coisas que acontecem são culpa minha. Eu não consigo fazer nada direito. Sou feia e odeio meu corpo, ninguém jamais se interessaria por mim, eu sou uma alma partida, fragmentada, as outras eu me completam, mas elas são loucas e me deixam louca. Eu vivo muitas vidas diferentes, sendo diferentes pessoas por muito tempo. Eu sinto vazio em meu coração. Minhas personalidades flutuam em meu interior e eu já nem sei mais quem eu sou. Aliás, esse nem era o propósito desse post.

Constituída por um coração partido agora eu morro lentamente. Eu queria ser uma estrela. Uma estrela cadente. Estou morrendo como uma estrela cadente. Minhas personalidades flutuam, mas eu sinto como se eu fosse ninguém. Normal normal normal normal. É como se houvesse um buraco no meu interior, e eu o preencho com pílulas. De volta ao zero eu me sinto tão triste. Aqui vou eu. 

Marcadores: